terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Em termos genéricos o diagnóstico organizacional identifica pontos a serem melhorados na organização e a análise organizacional tem por função interpretar e colocar em prática procedimentos operacionais que e melhorem o fluxo de processo e a tomada de decisão. Porém, verificamos que na prática existe uma série de barreiras que dificultam o processo de implantação de mudanças nas organizações. Quais seriam essas barreiras e que ações podem ser desenvolvidas para superá-las?

As barreiras que mais dificultam o processo de implementação de mudanças nas organizações são entre elas: Objetivos implícitos, Injustiças e Privilégios, Fragmentação organizacional, Falta de comunicação, Foco no curto prazo, Pouca agilidade, Competição interna e Reatividade.
Superar estas barreiras e fortalecer as oportunidades é o melhor caminho para alcance de valorosos resultados.
Para superar esses impasses, é importante que o líder desenvolva as seguintes metas: Construir um ambiente de trabalho que facilite a interação entre as Pessoas; desenvolva um Processo de transição de modelos administrativos nas empresas bem como uma Educação continuada; Aumentar o espaço dedicado a tarefas que envolvem raciocínio; Eliminar burocracias desnecessárias; Eliminar disputas internas improdutivas; Criar um clima democrático longe de hierarquias rígidas; Desenvolver células de aprendizado no trabalho.
Portando, para que ocorra implementação de mudança na organização, é necessário que o líder encoraje os seus liderados traçando objetivos nítidos e sólidos de modo que eles desenvolvam com maior espírito cooperativo. Alem disso, é necessário também que ele convença seus liderados a desenvolverem uma postura de aceitação e compreensão em relação ao processo de ágil, competitivo, ético e transparente, voltado para o raciocínio e intervenção, afim de que eles possam estar convictos e aprender a entender as novas ideias, acreditando que essas ideias são válidas e necessárias para o crescimento de um ambiente organizacional aprendizagem onde a participação e cooperação, eliminando burocracias desnecessárias e hierarquias rígidas.

2 comentários:

  1. Senhorita Darlyne Gomes, espero seu comentário. rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. ótimo comentário prof: Ernandes! você realmente és um sábio! sou sua fã gatinho.

    ResponderExcluir